CasaDecoração

Ideias e dicas para escolher o tamanho do seu tapete

Por 2 de outubro de 2014 Sem comentários

O tamanho dos tapetes é um assunto um tanto quanto controverso no mundo da arquitetura de interiores. Há quem ache que o tapete tem que ocupar toda a área da sala, ficando alguns centímetros debaixo dos sofás ou poltronas, outros acreditam que não há problema nenhum em usar um tapete menor em alguns contextos e ainda existem aqueles que usam um monte de fórmulas para calcular o tamanho exato que o tapete tem que ter. Aqui, a gente acredita que as variáveis chave são o seu gosto pessoal, seu orçamento e as peculiaridades de cada ambiente. Sabendo disso, e após a interessante discussão que o assunto tapetes gerou em nosso artigo 4 erros de decoração muito comuns, separamos alguns exemplos com tamanhos de tapetes em diversos ambientes que deram certo. Inspire-se!

1- tapete-sala-médio

foto: Apartment Therapy

O tapete pode vir até a bordinha dos assentos que você tiver na sala, sejam eles sofás ou cadeiras. O importante é sobrar bastante espaço para circular em volta da mesinha de centro sem que a borda do tapete fique no meio do caminho para atrapalhar. É uma ótima opção para salas mais descoladas e modernas, principalmente se o tapete tem uma cor ou uma estampa bacana.

2- tapete-sala-médio

foto: Ninainvorm

3- tapete-sala-médio

foto: Maletz Design

Aqui, nós temos a maneira mais clássica e que a maioria das pessoas prefere, que é quando o tapete fica alguns centímetros abaixo dos móveis, sendo eles os sofás, poltronas e cadeiras. Isso cria uma área bem definida desses móveis, que normalmente chamamos de área de conversação. Funciona para todos os tipos e tamanhos de sala, contudo, tapetes maiores custam mais caro.

6- tapete-grande-sala-moderna

foto: Genesis Architecture

7- tapete-grande-sala-moderna

foto: Jeffers Design Group

8- tapete-grande-sala-moderna

foto: Cynthia Lynn Photography

Diferente do que já foi dito, se sua escolha de tapete for uma pele de animal (fake ou não), o ideal é que os móveis fiquem mais afastados deste, uma vez que a beleza destas peles não se encontra só na sua estampa, mas também no seu formato. Portanto, nada de esconder o tapete para baixo do sofá! No entanto, se você não tem muita escolha e a sua pele vai ficar um pouco pra baixo dos móveis, trabalhe com o contraste entre o piso e a pele para que ela se destaque. A pele é ótima para deixar o ambiente aconchegante, coisa típica do estilo escandinavo.

9- tapete-pele-sala

foto: By Fryd

10- tapete-pele-sala

foto: Houzz

11- tapete-pele-sala

foto: CS Photographt

Já para os quartos, a ideia inicial é que o tapete proteja seus pés do chão frio, principalmente quando acaba de levantar da cama. Assim, utilizar um tapete que ultrapasse as laterais da cama é o ideal, mas um tapete no pé da cama também não é nada mal. Nesse caso, ele não cumprirá o papel de proteger você do chão frio, mas dará um up no ambiente!

4- tapete-quarto-pequeno

foto: Maletz Design

12- tapete-quarto-grande

foto: Elad Gonen Phoographyt

13- tapete-quarto-grande

foto: Houzz