Cozinha

Como escolher a sua geladeira

Por 12 de Maio de 2014 Sem comentários

A vida útil de uma geladeira gira entre 10 a 20 anos, ou seja, normalmente, troca-se o carro com mais frequência do que se troca de geladeira! A geladeira é o eletrodoméstico mais importante da sua casa. Você vive sem TV, rádio, computador, liquidificador e lavadora, contudo, tente viver sem a geladeira: é bem difícil! Por isso, não devemos negligenciar a sua escolha e devemos, sim, pesquisar antes de comprar. As opções de geladeira se confundem em tamanho, design, estilo, configuração e etc… Por onde devemos começar, então? O esquema é simplificar o processo, focando na sua cozinha, nos seus hábitos e por fim, e não menos importante, no seu design.

E não é só isso, as geladeiras evoluíram: houve redução do consumo de energia, soluções sustentáveis tornaram-se imprescindíveis, os designs ficaram mais atrativos, diferenciados e, é claro, interativas. A boa notícia é que existe uma geladeira para todos os bolsos, espaços e necessidades. Sabendo disso, vale lembrar que os modelos mais novos, que obtiveram nota A no selo do Procel, gastam pelo menos 20% a menos do que modelos com notas piores e gastam 40% menos do que geladeiras fabricadas em décadas passadas. Ou seja, se a sua geladeira já está velhinha, sai mais barato você trocá-la por uma nova! A diferença da sua conta de luz, paga a prestação de uma geladeira nova.

Atualmente, no mercado nacional, podemos encontrar geladeiras de todos os tamanhos e preços, sendo eles divididos nos 5 grupos a seguir:

1. Geladeira 1 porta

geladeira 1 porta

É o modelo mais básico, comum e ainda é o mais procurado devido ao seu preço ser mais em conta. É ideal para pequenos espaços, mas como o freezer fica dentro da própria geladeira, não possui uma qualidade excelente de congelamento de alimentos, nem muito espaço para tal. Algumas dessas geladeiras não contam com a tecnologia frost-free, formando gelo na parte do freezer, o que vai pedir mais atenção e manutenção. Falaremos disso um pouco mais pra frente. Aqui também entram os frigobares!

2. Geladeira duplex

geladeira duplex

São as geladeiras que possuem 2 portas, sendo uma para o freezer e outra para o refrigerador, sendo que o congelador fica na parte superior e o refrigerador na parte inferior. Existe uma enorme variedade no mercado, com a disponibilidade de diversos tamanhos, estilos e cores. Assim como há uma grande variedade de valores, podendo ser encontradas ótimas opções por bons preços. Nesse modelo, o tipo de degelo pode variar e nas geladeiras mais modernas você encontra o sistema frost-free.

3. Geladeira inverse

geladeira inverse

Com design diferenciado, o modelo inverse também possui 2 portas, porém com disposição invertida da duplex: o freezer fica na parte inferior e o refrigerador na parte superior. O conceito dessa inversão é que, normalmente, usamos mais o refrigerador, assim, com esta disposição ele fica mais a mão, mais acessível.

4. Geladeira side by side

geladeira side by side

É uma geladeira grande e, portanto, ideal para grandes espaços. São refrigeradores com 2 portas, lado a lado, sendo que uma delas é freezer e a outra refrigerador. Uma das vantagens dessa geladeira é que o seu freezer é bem mais espaçoso do que qualquer desses modelos citados aí em cima.

5. Geladeira french door

geladeira french door

O modelo french door é o conceito mais moderno dentre as geladeiras, atualmente. É mais espaçosa e também trabalha com o conceito de modelo invertido, com freezer localizado na parte de baixo e refrigerador em cima. Porém, na parte de cima, o refrigerador possui duas portas com bons compartimentos para facilitar a organização. Desse modelo, as opções mais encontradas são as da Samsung.

 

A primeira variável que devemos ficar atentos na hora de adquirir uma geladeira é o tamanho, que é basicamente o que restringe e guia todos as outras opções. No mercado, podemos encontrar geladeiras com seus tamanhos especificados em litros. No entanto, é importante ressaltar que a capacidade real da geladeira é sempre um pouco menor do que a anunciada pelo fabricante, pois prateleiras e outros compartimentos do aparelho reduzem seu espaço interno. A tabela abaixo mostra a capacidade de cada geladeira com a sua indicação de como e quando ser usada:

tabela capacidade em litros

Sabendo disso, precisamos levar em conta:

1. Quais são as restrições de tamanho da sua cozinha?

Mais do que apenas caber em algum nicho da sua cozinha, a gente precisa lembrar que as geladeiras e refrigeradores não possuem aberturas do mesmo tamanho. Um mesmo tamanho de geladeira, de diferentes marcas, pode precisar de uma área de abertura maior que a outra. Para descobrir o que é viável para a sua cozinha, puxe uma fita métrica e anote as medições para as áreas seguintes:

– O tamanho máximo que a sua geladeira pode abrir: onde a geladeira vai ficar vai determinar o tipo e o tamanho de sua abertura, para que ela abra livremente sem bater em nada. E por isso é importante saber não só a altura e largura mas também a profundidade da abertura. Além disso, a maioria dos refrigeradores precisa de cerca de 2,5 cm de folga em todos os lados para evitar o superaquecimento.

– Considere o tamanho da porta da sua cozinha: Sua cozinha pode ter o tamanho do mundo, mas se a sua geladeira não passar pela porta de entrada dela, de nada adiantará.

2. Que tipo de comprador você é?

Aquela capacidade da qual falamos ali em cima cai completamente por terra, dependendo da sua rotina diária e da sua rotina de compras. Afinal de contas, se você é uma pessoa que dá muitas festas, mesmo que você more sozinho, vai precisar de uma geladeira um pouco maior.

– Você faz compras uma vez por mês? Uma vez por semana? Então, você é uma pessoas que precisa de espaço para armazenamento. Ou você costuma ir quase todo dia ao supermercado, padaria, etc? Seu espaço de armazenamento, nesse caso, pode ser um pouco menor.

– Você é do tipo que adora entreter as pessoas com festas e jantares? Se esse for o caso, sua geladeira tem que ter capacidade para um número maior de pessoas, com mais espaço para armazenamento, principalmente para bebidas.

– Você costuma viver à base de congelados ou você é daquelas pessoas que consome tudo fresquinho e feito na hora?Portanto, certifique-se da necessidade ou não de um freezer. Repare nas divisões internas da geladeira, nas gavetas, prateleiras, etc… Escolha a que melhor atenda a suas necessidades.

Segue a tabela com alguns recursos que podem te ajudar na escolha de um modelo ou outro:

tabela recursos

Ah! Uma dica, o sistema frost-free é o mínimo aceitável para um geladeira, pois, nos dias de hoje, ninguém merece mais ficar descongelando a geladeira!

E agora a parte mais legal: o design da sua geladeira. Pois verdade seja dita, depois que as cozinhas passaram a se tornar um ambiente social das nossas casas, o design de nossas cozinhas passou a ser tão importante quanto o design de nossas salas! Por isso, os fabricantes de eletrodomésticos começaram a se preocupar muito com esse quesito. Quase todos os fabricantes disponibilizam seu produtos em pelo menos duas cores, branco e inox. Um ou outro acrescentam o preto a esta lista.

Entre as marcas mais famosas e mais vendidas no Brasil, estão a Brastemp e a Eletrolux. A Brastemp possui uma linha personalizável G-E-N-I-A-L! Contudo, essa genialidade tem o seu custo… Não são geladeiras nada baratas, e chegam a ser 25% mais caras do que uma geladeira comum. Mas são lindas! E tem também a linha Retrô, minhas preferidas!

brastemp

eletrolux

Aliás, os eletrodomésticos coloridos já consomem 15% da fatia desse mercado e a tendência é crescer mais e mais. Mas se o orçamento está apertado e você quer uma geladeira colorida, não se preocupe, pois muitas empresas já prestam o serviço de envelopar a sua geladeira por preços infinitamente mais convidativos! Vale pesquisar aí na sua cidade.

cozinha-amarela-linda

foto: Stadshem

cozinha-contemporanea-marrom

foto: Lisa Wolfe Design

cozinha-pequena-charmosa

foto: Beth Dana Design

cozinha-retro-azul

foto: Knight Architects

Compartilhe com um amigo